terça-feira, março 21, 2006

Pegadas na Areia


Nka vou konseguir explikar pk este texto me faz xorar.. Espero k gostem tanto kt eu gosto .. Beijokas..








Uma noite eu tive um sonho...

Sonhei que estava andando na praia com o Senhor e através do céu, passavam cenas da minha vida.

Para cada cena que passava, percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia: um era meu e o outro era do Senhor.

Quando a última cena passou diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia e notei que muitas vezes, no caminho da minha vida, havia apenas um par de pegadas na areia.

Notei também que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver. Isso me aborreceu deveras e perguntei então ao Senhor:

- Senhor, Tu me disseste que, uma vez que resolvi te seguir, Tu andarias sempre comigo, em todo o caminho. Contudo, notei que durante as maiores atribulações do meu viver, havia apenas um par de pegadas na areia. Não compreendo porque nas horas em que eu mais necessitava de Ti, Tu me deixaste sozinho.

O Senhor me respondeu:

- Meu querido filho. Jamais eu te deixaria nas horas de provas e de sofrimento. Quando viste, na areia, apenas um par de pegadas, eram as minhas. Foi exatamente aí que eu te carreguei nos braços.

11 comentários:

Isa disse...

Bonita imagem...

Eu estou com uns kilitos a mais, deve ser por isso que Ele não me carrega...

Bjs linda.

Vitória disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Vitória disse...

Ui... n digas isso...Lembra.te k Ele castiga :(... olha em volta Isabel... e pensa k há sp um testo para um panela...e principalmente há sp alguem mt mas mt pior... E olha... se nada resultar pensa k eu GOSTO MUITO MAS MUITO MUITO E MUITO DE TI :)

Hugo disse...

Belíssimo texto...omnipresente.

Gostei mt.

Bela praia para dar uns mergulhos!

Beijos.

HatA/mãe disse...

Eu tambem Vitoria, tambem me faz chorar e muito. Ja te contei porquê.
Não digo mais nada. temos andado as duas :(
eu evito falar quando estou assim...(escrever)

HatA/mãe disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
pedrasdegelo disse...

Beijo... ;)

vitória disse...

gostei mt do texto é mt sentimental bjx ;)de uma vitória para minha amiga vitória :P

Fosforo disse...

Originalmente é um poema... Foi-me dado a conhecer por um homem extraordinário, Ayrton Sena da Silva, há muito tempo atrás (também não foi assim tanto), pois era um dos seus poemas favoritos. Também é dos meus e confesso que não tenho muitos favoritos assim. É sem duvida belo e certo no que fala. Já agora outra coisa: Vitória era o nome de uma música que Senna gostava. Coincidências... Beijinhos para ti Vitória.

Anônimo disse...

Simplesmente lindo!
É daquelas coisas que nos faz reflectir, pensar e até mesmo chorar!

beijinho
Sofia Soares

Anônimo disse...

Simplesmente lindo!
É daquelas coisas que nos faz reflectir, pensar e até mesmo chorar!

beijinho
Sofia Soares